quarta-feira, 31 de outubro de 2007

Os magermanes e o bom senso

Meia – hora atrás, a frente do meu escritório marchou um barulhento grupo de magermanes, acompanhado por perto de agentes da polícia camarária e da PRM. Os magermanes empunhavam as bandeiras dos EUA e da Alemanha Federal, alguns deles ficaram visivelmente irritados por me verem a tirar as fotografias da procissão.

Do ponto de vista sociológico, acho muita frescura e falta de bom senso essa atitude!

Primeiro, se eles tem o direito de protestar (perturbando o normal funcionamento do meu dia de trabalho), eu também tenho o direito de deixar para a recordação póstuma algumas inofensivas fotos.

Segundo, julgo que o motivo principal dessa passeata foi a vontade de magermanes de chamar a atenção da sociedade civil sobre o seu caso, então, quando essa mesma sociedade civil fica sensibilizada ao ponto de tirar foto – foto, eis que o pessoal fica irritado. É pá, não havia necessidade...

1 comentário:

JPT disse...

há uns anos (Dezembro de 2003) passei um bocado pelo mesmo, ali ao cruzamento entre a Nyerere e a Mondlane [pus um post então, "Tocqueville em África", dada a bandeirística paixão pró-americana - a foto era má pois preferi não tirar mais, dada a falta de vontade em serem fotografados]